terça-feira, 30 de outubro de 2012

Um apanhado das últimas pescarias

The Big Bass

12 de Outubro de 2012

José António Martins e Carlos Fazenda - por aí.

A minha vida profissional não me permite ter férias no verão. Assim só deu para as gozar no outuno!
Sempre disponível para uma boa pescaria, ou mesmo só para aliviar o stress da grande cidade, combinei com o Carlos uma pescaria, a um dos nossos locais de eleição.
Apesar de ser outono, a manhã parecia de verão. Previa-se uma grande pescaria. Mas o peixe, não queria, o peixe não se mexia, o peixe não tinha fome. Centenas de lançamentos em vão. O sol apertava, o tempo passava e nada.
De repente, o sempre optimista Carlos Fazenda solta um grito: "Um Big, Um Big Bassssss". Corri para junto dele para pesarmos aquele que afinal vinha salvar a manhã que caminhava a passos largos para a frustração.
Se não me falha a memória, pesava 1.760Kg. Claro que o Carlos estava contente, claro que eu apesar de ainda não ter apanhado nada fiquei contente! É sinal que ainda lá existe peixe grande e que os "rapinas" não os levaram.
Fotos tiradas, libertação filmada, lá continuamos a pescaria.
Eu ainda não estava aborrecido, não estava farto, mas já tentava de tudo para tirar um peixe por mais pequeno que ele fosse (sinais de desespero). Num local com alguma erva não me apetecia ficar sem o meu jerkbait preferido da Rapala e coloquei um da loja dos chineses. Senti uma picada forte, puxei e ferrei finalmente, o meu Big Bass. Uma luta brutal, confesso estava com medo de o perder, à medida que o puxava a minha adrenalina subia, finalmente estava cá fora. 1.470kg. Muitas fotos tirámos. bem como a da respectiva libertação, que confesso não foi das mais perfeitas, porque não tinha muita vontade de me molhar. Mas o que importa é que o peixe lá seguiu o seu caminho!
Fica para a história este dia, poderão ver o resumo deste dia através des link:





Pescaria de manhã e de tarde, com direito a almoço e um bagacinho para o caminho!

20 de Outubro 2012 - por aí

José António Martins
João Pedro Silvério
Ricardo Gil Silva
Tó Campos


Amanheceu com uma nevoeirada tal, que em Coruche as pessoas mal se viam, por momentos pensei que era por Coruche estar a ficar deserta de tudo, até de pessoas, mas não, era mesmo nevoeiro.
O João Pedro veio ter comigo, fomos buscar o Ricardo e lá partimos à procura de uns peixinhos! O Campos claro, só lá apareceu perto do almoço.
Desconhecia por completo este açude onde fomos, digno de se ver (a foto fala por si) e de se pescar, muito bem tratado, agua limpinha e com armadilhas para os rapinadores, muito boa ideia (apesar de ser um açude privado, era frequentemente visitado pelos amigos do alheio. E para grandes males, grandes remédios.
Dezenas de peixe num lote muito homogéneo entre as 500/600gr. Não saiu nenhum big bass, mas eles moram lá!
Finalmente o Tó Campos apareceu e apanhou o seu primeiro Achigã  "O que é que eu faço?" perguntava enquanto segurava o peixe. Gargalhada geral, claro. Aquele que se dizia o grande pescador de Portugal e de Além-mar afinal não percebia nada do assunto! Lá foi o João Pedro com a sua paciência ensinar o grande Fisherman!
Horas de almoço, lá fomos até ao monte do Ricardo, onde nos esperava um verdadeiro manjar digno dos grandes pescadores, uma sopa de peixe, de seguida carne de porco a alentejana com ameijoas (extraordinariamente bem confeccionado pela mãe do Ricardo) e um tintol a acompanhar!
De barriga cheia, lá fomos para a jornada da tarde, desta vez noutro açude a caminho de casa!
Nesta jornada o Tó Campos não nos acompanhou, ao que parece o vinho tinto fez-lhe sono. O caminho merecia uma paragem obrigatória na taberna do Ti João, no Feixe, para um bagacinho da praxe.
A tarde não correu como a manhã, apenas saíram 3 peixinhos a rondar as 500gr.
Mais um dia bem passado (só foi pena o Ricardo não se deixar fotografar, fica para a próxima)!
Aqui ficam os registos do dia:

Um açude paradisíaco onde os rapinas não são desejados



O primeiro do dia



O João Pedro e a sua primeira captura do dia



À mesa sim, o Tó Campos é um verdadeiro pescador!



O bagacinho da praxe e o brinde! 




À tarde andámos por aqui


Uma das dezenas de libertações que fizemos no dia





Pede um desejo

26 de Outubro 2012 - Por aí

José António Martins
Carlos Fazenda

O vídeo diz tudo:



Uma tarde animada com direito a cirurgia

27 de Outubro 2012 - Por aí

José António Martins
Luís Firmino 
Joaquim Malaquias
João Baptista 
Teixeira dos Cogumelos

Toda a informação deste dia, com direito a fotos e vídeo no blog do Joaquim Malaquias:


José António Martins


quinta-feira, 6 de setembro de 2012

As últimas pescarias e convívios!

A falta de tempo, faz com que algumas coisas fiquem para trás, o blog foi uma delas.
Ao contrário da maioria dos mortais, eu não tive férias no verão e ainda faltam quase dois meses para as ter. 
Nestes últimos tempos as pescarias não têm sido muitas, foram poucas mas boas, umas sem peixe, outras com, mesmo as pescarias sem peixe são boas porque valem pelo convívio. 
Por este verão, conheci novos locais, novas gentes. Conheci pessoalmente amigos do Facebook, grandes defensores da pesca ao achigã. Bons momentos esses.
Algum material novo adquirido, e algumas amostras perdidas, uma ida ao Alqueva em que me esqueci dos carretos, um convívio do Cana & Carreto com alguns amigos pescadores, um convívio campestre na herdade do Peso, e ontem um regresso mais sério à "faina" com o Paulo Pereira  de manhã e com o Luís Firmino à tarde, são estes os momentos que marcaram estes últimos tempos.
Ficam aqui alguns registos fotográficos destes bons momentos!

8 de Julho de 2012
1º Convívio Inter Grupos do FaceBook - Mourão Alqueva

Pela primeira vez fomos ao Alqueva. Desta vez a Cana & Carreto era composta pelos seguintes elementos: José António Martins, Paulo Pereira, Luís Firmino, Adérito Nunes, André Charrua, Pedro Godinho e João Carlos. Neste dia, penso que o pescar não seria o mais importante. O mais importante seria conhecer pessoalmente as pessoas com quem muitas vezes partilhamos ideias, pedimos opiniões, clicamos "gosto" e comentamos as suas fotos e vice-versa. Parabéns ao Zé Magro, ao Pedro de Matos, ao João Lagareiro Lopes e ao Manuel Gonçalves, tudo foi pensado ao pormenor para que nada faltasse e foi um prazer conhece-los. Bem como ao grande Ramon Vaz de Meneses (a quem muitas vezes peço opiniões e ajuda e que prontamente me responde) e ao Duarte Ramalho. Pena que nestas coisas o tempo é sempre pouco para conhecermos e confraternizarmos com mais pessoas! Fica para a próxima não é Miguel Zagalo? Um abraço tb para ti!   

Sol a romper




O briefing





A pesagem






E o almoço, claro




Aqui Luís Firmino, pescado por um senko


A entrega dos prémios e lembranças
Ramon Vaz de Menezes e Duarte Ramalho


Pedro Godinho C&C BT


Adérito Nunes C&C BT


João Carlos C&C BT


André Charrua C&C BT


 Luís Firmino C&C BT


 José António Martins C&C BT


Da esquerda para a direita: João Lagareiro Lopes, Manuel Gonçalves Pedro de Matos e Zé Magro
  
Cana & Carreto Bass Team




Foto dos participantes



28-07-2012 
Encontro perto de Coruche
Cana & Carreto Bass Team e Amigos

Apesar do Paulo Pereira e do Luís Firmino já conhecerem alguns destes amigos, eu só conhecia o João Miguel Costa e só nos conhecíamos pelo Facebook. Mais uma vez foi um prazer conhece-los, pescar e almoçar com todos eles. João Miguel Costa, Carlos Fazenda, Paulo Carvalhal, Rui Sérgio Silva e Marco Santos. 
Cana & Carreto Bass Team: José António Martins, Paulo Pereira, Luís Firmino, Adérito Nunes e o estreante João Pedro Silvério.
Manhã cinzenta, com alguns chuviscos pelo meio. Saiu muito peixe, mas tudo à volta das 300gr. Da parte da tarde, saiu "vencedor" o Paulo Carvalhal que conseguiu o maior exemplar do dia, se não estou em erro pouco mais de um Kilo.
Um tacho, cheio de javali estufado e uns grelhados acompanhados de umas cervejas deram o mote para um almoço bastante animado, onde se trocam alguns ideias e ouve-se com atenção os mais experientes no assunto!

Um grande Almoço



O que sobrou do javali!


João Pedro Silvério, Paulo Pereira e Carlos Fazenda


Paulo Carvalhal e o troféu da tarde


Os cozinheiros Luís Firmino e Marco Santos






5 de Setembro de 2012
Algures por aí

O facto de ser verão, faz com que exista alguma incompatibilidade de horários para a grande maioria de todos nós, ou férias ou trabalho, ou qualquer outro motivo, é complicado pescar com os amigos. 
Ontem finalmente consegui juntar-me com o Paulo Pereira e o Luís Firmino. Mas por motivos profissionais da parte deles, pela manhã pesquei com o Paulo e ao fim da tarde com o Luís.
Durante a manhã a pescaria foi animada com vários peixes pescados tudo a entre as 250 a 359 gr. O Paulo persistente como é não queria abandonar a pescaria sem o seu Big Bass e conseguiu, 1.650kg quase arrancado a ferros, mas safou-se com o seu troféu! 
Ao fim da tarde com Luís Firmino e numa altura que estávamos quase a desistir, tudo virou e já era de noite quando abandonámos o local. Aquele fim do dia irá ficar para a história, nunca tinha tirado tanto peixe de seguida. Uma loucura, eu com um senko e o Firmino de popper. Ali e naquela hora tudo resultava. foi um fim de tarde e noite memorável. 
Ficam as fotos para a posteridade! Para a semana há mais! ;)

José António Martins








Paulo Pereira a Libertar

Luís Firmino numa estranha captura